quarta-feira, 3 de maio de 2017

Não importa...

Porque te importas tanto com o que os outros pensam?
Porque deixas que as opiniões dos outros moldem a forma como vives a tua vida?

Por acaso são eles que calçam os teus sapatos e percorrem os teus caminhos? São eles que vivem as tuas dores, que sentem as tuas lágrimas, que ficam com a alma apertada quando as coisas te acontecem?
São eles que pagam as tuas contas ou que se levantam todas as manhãs para viver a tua vida?

Porque deixas de fazer o que queres com medo do que os outros vão pensar ou dizer? O que importa o que os outros dizem ou deixam de dizer? O que importa se eles não acharem bem aquilo que tanto queres fazer, o que importa se decidirem falar coisas parvas sobre a tua vida?

Deixa-me dar-te uma novidade. Nunca vais agradar toda a gente e no meio de tanto tentares acabas por desagradar a única pessoa que realmente importa, TU!
Não consegues ver as oportunidades que perdes só porque pensas demais na opinião dos outros? Não consegues perceber que acabas por deixar de ser tu mesma para seres apenas o que os outros esperam que sejas?
Deixa-me dar-te outra novidade, as pessoas vão falar sempre, se não for de ti é da vizinha que tem a coragem de viver sem se importar com a língua alheia e um dia vão-se fartar dessa vizinha e falar da outra e depois da outra e se calhar até de ti, que és tão perfeita que deves ter um segredo sórdido escondido.

Deixa-os lá falar, não te preocupes com o que dizem ou deixam de dizer, preocupa-te contigo, com o que queres, com o que sentes e vai viver, vai fazer tudo o que sempre quiseste, pinta o cabelo de azul se te apetecer.
Porque a língua dos outros é isso mesmo dos outros, já a vida, é tua e só tu podes vivê-la de forma a ser feliz.
Faz-te ao mundo que ele está à tua espera!


Sem comentários:

Enviar um comentário