domingo, 6 de julho de 2014

...

A morte colasse a mim,
os mortos sussurram-me ao ouvido,
o toque frio percorre-me o corpo...
Não consigo fugir aos seus barulhos, à sua tentativa desesperada de comunicar...
Estou num velório, eles estão aqui, finjo apenas que não os sinto...
Mexo-me como se tivesse bichos carpinteiros, não sou a pessoa indicada para os ouvir, nunca fui...
Tenho medo de mortos, os vivos não me incomodam, mas o sussurro aos meus ouvidos de quem não posso ver assusta-me...
Gostava de ter a coragem de enfrentar a "loucura" de frente, falava com eles, indicava-lhes o caminho, resolvia-lhes os dilemas...
Mas não tenho...
Não nasci para isto e é por isso que odeio ir a velórios...

17 Novembro de 2012

Sem comentários:

Enviar um comentário